quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Resenha do livro: Teardrop- Lágrima da Lauren Kate

"Ela sentou Eureka na antiga cama de baldaquino e a segurou rudemente pelos ombros. Uma intensidade selvagem enchia seus olhos. Eureka fungou.
-Estou com medo.
Diana olhou a foto como se não soubesse quem ela era. Depois a palma de sua mão voou para trás e ela bateu em Eureka, com força. Eureka paralisou no meio do gemido, pasma demais para se mexer ou respirar. Toda a casa parecei reverberar, ecoando o tapa. Diana se curvou para mais perto.
Seus olhos se cravaram nos da filha. Ela falou no tom mais grave que Eureka ouviu na vida:
-Nunca, jamais volte a chorar."

O livro teardrop, da Lauren Kate, conta a história de Eureka, uma garota de 17 anos que acabara de perder sua mãe em um "acidente". Após a morde dela, Eureka começa a ir á vários terapeutas e passa a morar com seu pai, sua madrasta- que por sinal ela não gosta- e seus dois meios-irmãos que são gêmeos e, apesar de está passando por um momento muito difícil Eureka nunca chora.
Os amigos de Eureka são o Brooks, seu melhor e mais antigo amigo, e Cat, que ao contrario de Eureka, é super festeira e divertida. Para piorar, mais ou menos na metade da história, seu melhor amigo começa a agir estranho o que faz Eureka ir de mal a pior e a única coisa que a faz esquecer dos seus problemas é a tentativa de desvendar o mistério por trás das heranças que sua mãe deixou: Um medalhão que ela sempre usava, um aerólito e um livro que ela nem se quer consegue ler.
Durante a trama, Eureka conhece um garoto chamado Ander, que é misterioso e aparece tão de repente quanto some. Apesar de mal conhece-lo ela acaba tendo uma queda pelo mesmo,e no decorrer da história ela descobre que ele sabe mais coisas dela do que ela mesmo.               



O livro trás um história bem diferente das que já tinha lido o que nos faz ficar curiosos sobre o que irá acontecer, a escrita é de fácil compreensão e o que mais chama atenção é a belíssima capa. Os personagens tem personalidades diferentes e bem característicos o que faz a gente se apaixonar ou odiar cada um deles, porém na minha opinião alguns deles poderiam ter sido melhores aproveitados.
Uma das minhas maiores críticas ao livro, é a sua leitura cansativa pois, apesar de trazer um tema legal, metade do livro fica na mesma enrolação e quando as coisas começam a fluir e você fica curioso ele acaba, o que nos faz querer o próximo.
Comparando Teardrop aos outros livros da escritora, como Fallen, confesso que é difícil dizer qual o melhor, uma vez que trazem propostas bem diferentes. Se você quiser ler algo com um tema diferente teardrop é uma ótima opção, porém se não gostar de drama, talvez é melhor não ler. A continuação da série, o livro Waterfall- Dilúvio, já está a venda.

#LivrosDivos #Adm1

Nenhum comentário:

Postar um comentário